Posse Dr. Lauredo

Posse Dr. Lauredo Previous item Pedro Nava, Patrono da... Next item Prof. Dr. Hilton Seda

Discurso de posse do presidente da Academia Brasileira de Reumatologia
5 de setembro de 2018, Rio de Janeiro
Dr. Lauredo Ventura Bandeira

Prezado Presidente e amigo, Mario Newton.
Prezados membros que compõem a mesa.
Prezados Confreiras e Confrades, amigos e convidados.

É com grande honra e orgulho que hoje tomo posse como Presidente da Academia Brasileira de Reumatologia.

Sei da grande responsabilidade que vou ter. Tenho certeza do enorme desafio que terei pelos próximos dois anos.

Com muito empenho, prometo muito trabalho, principalmente após as gestões dos últimos presidentes, notadamente o confrade Mario Newton. Parabéns Mario.

Gostaria de lembrar, neste momento, meu Padrinho de Academia, professor Geraldo Gomes de Freitas, com quem convivi por anos, primeiramente como meu professor na Faculdade de Medicina de Pernambuco e depois como Confrade, nesta Academia. Ao professor Geraldo registro a minha saudade de reconhecimento.

Assim, vivemos, nesta Academia, sob o regime da memória.

Recordar é para nós o atributo da sobrevivência moral, sobretudo em face de uma sociedade em ebulição, sob o risco de dispensar registros.

No cotidiano desta Academia resguardamos o mistério da arte, preservamos o engenho da medicina, que os homens inventam e refazem em obediência à natureza. Subsiste ele em nós, pelo vigor com que há um século passa pelo filtro da nossa memória e da nossa reflexão.

É enorme a responsabilidade de um médico. Ele deve ser um exemplo e servir de espelho ou modelo para as novas gerações.

A nossa vida deve ser pautada colocando os interesses da coletividade, da instituição à qual servimos, acima de nossos próximos interesses e de nossas ambições e vaidades.

Ao longa da minha caminhada tenho convivido com muitos colegas e Confrades, o que tem sido maravilhoso.

A medicina simboliza buscas e conquistas para homem.

Por sua força, cabe à medicina a mudança de atitudes e comportamento. A história tem demonstrado que os avanços médicos sempre revolucionaram o mundo.

Avanços e conquistas na medicina, em diferentes áreas – robótica, transplantes, vídeo cirurgia, engenharia genética, dentre outras – tiveram seu desenvolvimento graças ao desprendimento de pesquisadores.

Estar entre os colegas Reumatologistas e Acadêmicos é a razão da nossa atividade. Aprendi, ao longa de minha trajetória que devemos ser apaixonados pelo nosso trabalho.

Trabalhar com integridade, convicção e simplicidade.

Manter independência de pensamentos e alimentar nossa imaginação e sonhos; lembrar que as conquistas e o triunfo não vêm por acaso e são progressivos.

Manter o entusiasmo, lutar por nossas ideias, caminhando com coragem, serenidade e sabedoria.

Os anos deixam marcas na face, mas a perda de entusiasmo deixa marcas na alma. Enfrentar com grandeza e humildade as dificuldades e aprender com eventuais tropeços.

Senhor Presidente, Senhoras Acadêmicas e Senhores Acadêmicos. Durante a nossa caminhada ouvimos, mais de uma vez, que a Academia é o lugar onde vamos envelhecer. Eu entendo que a Academia seja o lugar onde vamos rejuvenescer, em função das novas amizades, novos horizontes e dos aprendizados constantes, das trocas de conhecimentos.

Doravante serei o Presidente da Academia Brasileira de Reumatologia, com ajuda da minha diretoria e presença de cada um vocês.

Por meio da minha atuação profissional, do apoio da minha família e dos princípios éticos e humanísticos, que têm norteado a minha vida, assumo o compromisso de honrar a tradição e a rica história da Academia Brasileira de Reumatologia.

Muito obrigado.

Dr. Lauredo Ventura Bandeira
Presidente da ABR – 2018-2020